sábado, maio 24, 2008

Humm.. nas minhas andanças terminei esquecendo de voltar pra casa.

Aos visitantes eventuais, em breve uma bela recepção nesta casa.

5 comentários:

Meg disse...

Oi, Réis

Nem sei como cheguei até aqui, pois navego sem bússola, sem direção... Às vezes lanço âncora pra ler algo que me desconstrói...como o que encontrei aqui... Seu blog é intenso...denso...
Sou navegante sem porto ...mas voltarei a ancorar por aqui...
Volte logo pra casa...
Abraços...
Meg

Meg disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Michelly Lorenna disse...

Bom, apesar de ser uma vergonha admitir essa é a primeira vez que leio o blog desse rapaz, é incrível poder ler alguém que consegue mostrar sua vida com palavras simples mais às vezes cheias de códigos, vc aqui é o homem inteligente que consegue se esconder e se mostrar ao mesmo tempo com a facilidade que é dada somente aos homens capazes de usar as palavras como arma de defesa, mas pra mim é e sempre será o filho escolhido e amado apesar da distância que os horários nos proporcionam. Esse rapaz fez aniversário e eu quebrei a cabeça tentando pensar o que dar de presente para alguém que além de ter uma grande importância na minha vida tem para si um dos maiores dons que é o de ser simplesmente único, então pensei em me dar um presente e desfrutar do balé de café, sonhos e desconstruções em fumaça de cigarro, mas uma coisa te digo querido, nada me garante que possa voltar aqui, não por não ter gostado mas sim por preferir discutir nossa guerra de palavras em um lugar onde possamos nos olhar nos olhos e onde eu, você e seu pai sempre acabamos as noites com abraços, sorrisos e várias xícaras de café.
Beijo querido

Cris disse...

Tbm não lí esse livro, mas vou fazê-lo só pra ver se me emociona mais do que o texto que li aqui. Fui escorregando por suas palavras e mudando as cores do que eu entendia, inclusive sobre viver intensidades curtas e válidas pela vida toda e mais ainda, sobre os riscos de viver a vita toda sem nenhuma intensidade, Dreamer. Parabéns... Adorei!

Solange Mazzeto disse...

Delícia, não voltar pra casa...

é necessa´rio pra gente se olhar de pertinho...

te add no meu blog, parabéns pelo seu blog

bjo